Militantes pró-governo lotam Praça no Rio

Rio - Militantes de partidos considerados de esquerda e de movimentos sociais, assim como sindicalistas, lotaram ontem a Praça XV, no centro do Rio, em ato a favor do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do governo da presidente Dilma Rousseff. A organização disse aos microfones que o público chegou a 70 mil pessoas, mas a Polícia Militar (PM) não fez estimativa de público.

O ato foi organizado pela CUT-Rio e pela Frente Brasil Popular, que reúne partidos e movimentos de esquerda. As organizações sociais Levante Popular da Juventude, Marcha Mundial das Mulheres, além de organizações estudantis como a União Nacional dos Estudantes e a União da Juventude Socialista, participaram da manifestação.

Organizadores chamaram o evento de "político-cultural", pois os manifestantes se reuniram em frente a um palco de apresentação dos músicos Geraldo Azevedo, Teresa Cristina, Pedro Luís e Otto. Também estiveram presentes os atores Letícia Sabatella, Bete Mendes, Osmar Prado, Tássia Camargo e Cristina Pereira, além do teatrólogo Aderbal Freire Filho.

Entre os políticos, marcaram presença o senador Lindbergh Farias (PT); os deputados federais Wadih Damous (PT-RJ) e Jandira Feghali (PC do B-RJ); o deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL-RJ); a ex-senadora e ex-governadora pelo PT, Benedita da Silva; o ex-senador Edson Santos (PT); e o ex-ministro e ex-presidente do PSB, Roberto Amaral.

O ex-ministro e criticou "excessos" do Judiciário, personificados nas ações do juiz Sérgio Moro. "Estamos diante de uma partidarização do Judiciário", afirmou Amaral.

Ônibus. Segundo Ricardo Pinheiro, vice-presidente do diretório estadual do PT no Rio, informou que a organização do evento fretou ônibus para trazer manifestantes de regiões mais distantes. Emanuel Cancela, coordenador do Sindipetro-RJ, também confirmou que vários ônibus transportaram trabalhadores do setor de cidades do norte fluminense para o Rio.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos