Com greve, Sorocaba tem 1 mil toneladas de lixo nas ruas da cidade

Sorocaba - A greve dos coletores de lixo em Sorocaba, no interior de São Paulo, entrou no quinto dia nesta quarta-feira, 6, com pelo menos 1 mil toneladas de material acumulado nas ruas. Na terça-feira, 5, o Tribunal Regional do Trabalho (TRT) determinou que 80% dos trabalhadores prestem o serviço, sob pena de multa diária de R$ 5 mil em caso de descumprimento. O sindicato entrou com recurso e afirma que, até o julgamento, a decisão será respeitada.

Nesta quarta-feira, 6, haverá uma reunião entre as partes no Ministério do Trabalho, em uma tentativa de acordo. Os trabalhadores querem reajuste de 12,35% nos salários e de 35% no vale-refeição. A empresa contratada pela prefeitura para a coleta e destinação do lixo ofereceu 11,08%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos