Plenário fica esvaziado em discussão sobre impeachment

Brasília - Após a fala dos autores do pedido de impeachment e da defesa da presidente Dilma Rousseff no início da sessão, muitos deputados deixaram o plenário da Câmara na manhã desta sexta-feira. Por volta das 11h20, a percepção geral é de que há menos parlamentaras no plenário do que em dias normais de votação na Casa.

Há poucos deputados tanto do lado da oposição quanto dos governistas. Depois dos pronunciamentos da defesa e da acusação, o espaço agora é reservado para que até cinco membros de cada partido falem por até uma hora na tribuna. Amanhã, a sessão será aberta para discursos avulsos dos deputados.

Presente no plenário, o deputado Chico Alencar (PSOL-RJ) disse estar "impressionado" com o esvaziamento do plenário. "Isso mostra a desimportância que se dá ao debate sobre a questão mais crucial do nosso ordenamento político, que é a destituição da presidente da República", criticou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos