Líder do PSOL diz que bancada é contra impeachment e critica Cunha

Brasília, 17 - Líder do PSOL, bancada com seis deputados, Ivan Valente (SP), disse na tarde deste domingo, 17, que o partido votará unido conta o impeachment da presidente Dilma Rousseff. "O PSOL quer denunciar que está em curso uma ruptura com o Estado democrático de direito", disse. "Pedaladas fiscais são álibi que ninguém sabe o que é", completou.

O deputado focou seu discurso em acusações contra o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Ele citou denúncia de que Cunha teria recebido R$ 52 milhões em propina. "Toda a cúpula do PMDB tem pesadas acusações na Operação Lava Jato", afirmou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos