Sindicalistas sugerem a Temer taxação de grandes fortunas

Brasília - O presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores Metalúrgicos (CNTM), Miguel Torres, disse que sindicalistas apresentaram ao vice-presidente Michel Temer uma série de propostas que foram "bem recebidas", apesar do peemedebista não dizer concretamente o que poderia ser adotado. Entre os pontos sugeridos em reunião nesta terça-feira, 26, no Palácio do Jaburu estão a taxação de grandes fortunas e de remessas enviadas ao exterior, além da tributação de bens de alto valor, como helicópteros e lanchas.

De forma conjunta, CNTM, UGT, Força Sindical, CSB e Nova Central propuseram uma série de medidas para a retomada da atividade econômica. Na conversa, participantes relataram que Temer ouviu mais do que falou e foi cuidadoso com as palavras. "(Temer) Sempre coloca no condicional, se o destino assim quiser", disse o presidente da CSB, Antônio Neto. O presidente da Força Sindical, Paulinho da Força (SD-SP), ressaltou que ele só vai falar de propostas concretas se assumir a Presidência. Apesar das sugestões de aumento de impostos, Paulinho disse que o vice-presidente afirmou que não é preciso aumentar imposto neste momento.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos