Corregedoria da Fazenda abre processo administrativo contra conselheiros do Carf

Brasília - O Ministério da Fazenda informou há pouco que a Corregedoria-Geral da Pasta (Coger/MF) instaurou nesta segunda-feira, 9, um processo administrativo disciplinar para apurar a responsabilidade funcional de conselheiros do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) que teriam atuado de modo a prejudicar os interesses da Administração Tributária. A atuação indevida de membros do colegiado é investigada pela Operação Zelotes da Polícia Federal, que deflagrou nesta segunda uma nova fase em que levou para depor o ex-ministro Guido Mantega.

As apurações promovidas pela força-tarefa integrada pela Corregedoria-Geral da Fazenda revelaram irregularidades cometidas por um grupo composto por advogados, conselheiros e ex-conselheiros do Carf, que, segundo a pasta, resultaram na exoneração de crédito tributário da ordem de R$ 8,6 milhões constituído em face do empresário Walter Faria. A Corregedoria-Geral encaminhou ainda a documentação ao Carf para que o Conselho anule esse julgamento.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos