Militantes agridem equipe de televisão em frente ao Palácio do Planalto

Brasília - Militantes localizados em frente ao Palácio do Planalto agrediram uma equipe da GloboNews que filmava a saída da presidente afastada, Dilma Rousseff. O incidente aconteceu quando o cinegrafista Wesley Araruna e o repórter Marcelo Cosme gravavam o momento em que Dilma se dirigia para fazer seu discurso no pé da rampa do Palácio do Planalto.

Mulheres com camisas do PT e de outros movimentos sociais gritaram com o repórter e com o cinegrafista, chamando a TV Globo de "golpista". Quando os ânimos estavam exaltados, alguns militantes empurraram o repórter e o cinegrafista, no momento em que gravavam, pedindo que eles se retirassem do local.

Alguns militantes tentaram puxar o microfone do repórter, para tentar impedi-lo de gravar. Os dois tiveram de deixar o local próximo de onde Dilma falou e se dirigiram para uma área mais reservada.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos