Para Federação das Indústrias do RJ, governo Temer dará início a 'novo País'

Rio de Janeiro - A instauração de processo de impeachment pelo Senado Federal, decidida na manhã desta quinta-feira, 12, por 55 votos a 22, é "mais um exemplo da força da democracia brasileira", afirmou a Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan) em nota. Para a entidade, o governo de Michel Temer (PMDB) dará início a um "novo País", com mais união na busca pela retomada do crescimento.

"O diálogo, há tanto tempo ausente do comando da Nação, estará de volta com Michel Temer", disse a Firjan. "O Congresso Nacional também será chamado, mais uma vez, a dar uma contribuição inestimável para o futuro do País. É hora da aprovação de reformas e projetos que recoloquem o Brasil no caminho do desenvolvimento econômico e social."

A entidade coloca como prioridades a adoção de uma nova política fiscal, com fixação de metas para a dívida pública, a reforma da Previdência, um programa de venda de ativos públicos e a aprovação do projeto que altera as regras para a exploração do pré-sal.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos