Congresso não será convocado esta semana para votar revisão da meta, diz Renan

Brasília - O presidente do Congresso, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), afirmou nesta terça-feira, 17, que não fará uma convocação da sessão conjunta de parlamentares para votar a revisão da meta fiscal de 2016 nesta semana. Segundo Renan, essa convocação deverá ocorrer a partir da próxima terça-feira, 24.

Embora tenha ressalvado que a expectativa era que a convocação ocorresse esta semana, Renan disse que o governo está "fechando as contas" e que, por essa razão, a convocação ficou para a próxima semana. Ele destacou que na quinta-feira, 19, o ministro do Planejamento, Romero Jucá, irá ao Senado para discutir a revisão da meta. Jucá, senador licenciado pelo PMDB, é ligado a Renan.

"Nós vamos convocar (o Congresso) tão logo tenhamos clareza com relação ao déficit, mas essa semana nós não convocaremos", disse Renan, na chegada a seu gabinete no Senado.

Questionado pela reportagem sobre o risco de não se aprovar a revisão da meta até o final do mês, medida que levaria à paralisia da máquina pública federal, o presidente do Congresso respondeu: "o risco maior é você estabelecer uma meta que, desde logo, não possa ser cumprida ou não será cumprida. A prudência recomenda aguardar um pouco (para a votação)."

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos