Jucá confirma que meta será votada amanhã às 11h

Brasília - O ministro do Planejamento, Romero Jucá, que confirmou na tarde desta segunda-feira, 23, que se licenciará do cargo, afirmou que a meta fiscal será votada amanhã, às 11 horas. Segundo ele, a meta do governo do presidente em exercício Michel Temer é "factível, realista, não tem maquiagem". "E é a primeira diferença que tem entre o governo Michel Temer e o que saiu", disse Jucá, em meio a gritos de golpista e confusão no Plenário.

Jucá participou nesta tarde de reunião com Temer e com o presidente do Senado, Renan Calheiros, quando Temer trouxe o proposta da meta fiscal.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos