Lewandowski: prazo do impeachment é responsabilidade de comissão no Senado

Brasília - O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Ricardo Lewandowski, sugeriu nesta segunda, 30, que a suprema Corte não fará nenhum esforço para que o processo de impeachment seja encerrado antes das eleições municipais deste ano. Segundo ele, a definição do prazo é responsabilidade da Comissão Especial do Impeachment no Senado.

"(O prazo) será debatido no seio da própria comissão. Uma vez decidido e se houver algum inconformismo em relação a esses prazos cogitados, caberá recurso ao presidente do STF, que decidirá sobre a questão", explicou o ministro, antes de participar de evento na Associação dos Advogados de São Paulo (AASP).

Lewandowski afirmou ainda que, se a votação final do processo cair no período eleitoral, isto será uma "coincidência". "O que se pretende é que esse processo ocorra sem maiores incidentes", acrescentou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos