Senado adia votação da ampliação do Supersimples para próxima semana

Brasília - Sem acordo entre os parlamentares, o Senado adiou a votação da ampliação do Supersimples, sistema diferenciado de tributação para micro e pequenas empresas. Os senadores farão modificações no texto e a proposta volta para a pauta na próxima terça-feira, 21.

O projeto amplia de R$ 60 mil para R$ 72 mil ao ano o teto de ganhos de microempreendedores individuais (MEI), enquanto o da microempresa crescerá de R$ 3,6 milhões para R$ 4,8 milhões. A proposta também estende de 60 para 120 meses o prazo para pagamento de dívidas das empresas com o Estado, ponto que desagradou a Receita Federal.

Após a reunião de líderes nessa manhã, o senador Ronaldo Caiado (DEM-GO) afirmou que havia muita discordância em pontos específicos do projeto e que não acreditava que a matéria fosse de fato ser votada nessa quarta-feira.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos