Em SP, segurança retira manifestantes de hotel onde ministro dará palestra

De São Paulo

  • Ueslei Marcelino/Reuters

Três manifestantes contrárias ao governo interino de Michel Temer foram retiradas pela segurança do hotel Grand Hyatt, na zona sul de São Paulo. O local recebe nesta quinta-feira, 16 evento com o ministro da Casa Civil indicador por Temer, Eliseu Padilha (PMDB).

"Estou chocada com esse governo golpista que só toma medidas de extrema direita", afirmou a enfermeira Edva Aguilar ao Broadcast Político, antes de ela e duas amigas que a acompanhavam serem escoltadas até a saída do hotel.

As três vestiam camisetas com os dizeres "Fora Temer" e "Democracia, que horas ela volta?". Elas alegaram não serem de nenhum movimento, apenas amigas que são contra o governo do peemedebista.

Padilha participa nesta tarde de um almoço-debate promovido pelo Grupo de Líderes Empresariais (Lide), organização fundada pelo pré-candidato do PSDB à Prefeitura de São Paulo, João Doria.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos