Temer diz que acusações de Machado são 'levianas e mentirosas'

O presidente em exercício, Michel Temer, afirmou que as acusações feitas por Sérgio Machado em delação premiada são "levianas, irresponsáveis e mentirosas" em pronunciamento à nação na manhã desta quinta-feira, 16, no Palácio do Planalto, em Brasília.

Em delação premiada, Machado disse que o presidente em exercício teria pedido a ele recursos ilícitos para a campanha de Gabriel Chalita (à época no PMDB) à Prefeitura de São Paulo em 2012.

O discurso durou menos de dez minutos e não foi aberto para perguntas da imprensa. Durante a fala, ele disse estar indignado e querer registrar que "essa leviandade não pode prevalecer". "Não deixarei passar em branco", afirmou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos