Conselho do Ministério Público nega pedido de Lula contra procurador

São Paulo - O Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) negou pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para responsabilizar o procurador Douglas Kirchner pelo vazamento de um processo que investiga o petista por tráfico de influência para a construtora Odebrecht.

O órgão entendeu que não há provas suficientes contra o procurador. Lula acusava Kirchner de negar acesso aos documentos. O Conselho Nacional do Ministério Público, presidido pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, julgou as alegações da defesa do ex-presidente improcedentes. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos