Homem que mantinha refém em loja na Avenida Paulista é preso

Em São Paulo

  • J.Duran Machfee/Futura Press/Estadão Conteúdo

    Um homem armado fez uma funcionária refém durante um assalto na loja de chocolates Brasil Cacau na avenida Paulista

    Um homem armado fez uma funcionária refém durante um assalto na loja de chocolates Brasil Cacau na avenida Paulista

A mulher que estava sendo mantida refém em loja de chocolates Brasil Cacau da avenida Paulista foi libertada no início da tarde deste sábado, 9. O suspeito, que seria conhecido da vítima, se entregou às 13h50 (horário de Brasília) e foi levado ao 65º DP. A vítima, ainda não identificada, não sofreu nenhum ferimento.

Durante a negociação, equipes da Polícia Militar ocuparam a calçada e parte da via, no cruzamento com a Avenida Brigadeiro Luís Antonio. A mulher teria sido ameaçada com uma faca no pescoço na parte do fundo da loja.

A passagem de pedestres no trecho da avenida ficou totalmente bloqueada. O nome do suspeito não foi informado pela polícia, mas ele não teria antecedentes criminais nem teria tentado roubar o estabelecimento.

Segundo a CET, o tráfego de veículos foi suspenso na Avenida Paulista, no trecho em frente à loja, no sentido Paraíso. O desvio foi feito pela Avenida Joaquim Eugênio de Lima. Os motoristas precisaram fazer um retorno para acessar novamente a via no quarteirão seguinte.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos