Senadores debatem hoje relatório de Anastasia sobre afastamento de Dilma

Brasília - A sessão da Comissão do impeachment desta quarta-feira, 3, será dedicada à discussão do parecer do relator Antonio Anastasia (PSDB-MG), que apresentou voto favorável ao impedimento da presidente afastada, Dilma Rousseff. A votação do relatório na comissão, entretanto, só acontecerá na quinta-feira, 4, e, depois, o texto seguirá para avaliação do plenário.

A antecipação ou não da data de início do julgamento de Dilma é outro tema que deve tomar as discussões do impeachment nesta semana. O Supremo Tribunal Federal (STF) havia divulgado nota no último fim de semana informando que a primeira data possível para o início do julgamento seria 29 de agosto, mas a base do presidente em exercício, Michel Temer, gostaria de acelerar o processo para garantir que ele participe do encontro do G-20 em setembro já como presidente efetivo.

Em contraste com a posição do Supremo, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), informou ontem que o julgamento deve se iniciar entre 25 e 26 de agosto, podendo ainda ter sessões aos finais de semana. A posição do peemedebista, que até então defendia que fossem adotados apenas dias úteis no processo, é inédita.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos