Papa almoça com refugiados da Síria que foram viver na Itália

Cidade do Vaticano - O papa Francisco almoçou nesta quinta-feira com um grupo de refugiados sírios que foram levados à Itália a partir da ilha grega de Lesbos, graças à mediação do próprio pontífice. O Vaticano disse que o papa levou brinquedos e outras lembranças para as crianças, que deram ao líder da Igreja Católica uma seleção de seus desenhos. Tanto os adultos como as crianças puderam falar com Francisco "sobre o início de suas vidas na Itália", disse a Santa Sé.

Francisco levou o primeiro grupo de 12 refugiados consigo no avião papal diretamente de sua viagem em abril a Lesbos, um dos focos da crise de refugiados na Europa. O papa disse que o gesto era parte da mensagem de humanidade que desejava enviar. Os refugiados estão abrigados em moradias fornecidas por uma entidade cristã de caridade. Fonte: Associated Press.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos