Camex zera tarifa de importação da vacina contra HPV e da tríplice bacteriana

Brasília - A Câmara de Comércio Exterior (Camex) zerou a alíquota do Imposto de Importação da vacina contra o HPV e da versão acelular da vacina tríplice bacteriana, a DTPa. A decisão está em resolução publicada no Diário Oficial da União (DOU) e vale por 180 dias.

Pela resolução, a redução é direcionada para uma cota de 3 milhões de doses da "vacina contra o Papilomavirus Humano 6, 11, 16, 18, (recombinante), apresentada em doses ou acondicionada para venda a retalho", e para uma cota de 2,5 milhões de doses da "vacina contra a difteria, o tétano e a pertussis (acelular) - dTpa, apresentada em doses ou acondicionada para venda a retalho".

A importação das duas vacinas era taxada a 2%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos