Erundina acompanha julgamento no STF sobre partidos nanicos em debates

Brasília - A candidata à Prefeitura de São Paulo, Luiza Erundina (PSOL), está no Supremo Tribunal Federal (STF) para acompanhar o julgamento sobre a participação de partidos nanicos em debates.

O PSOL é um dos partidos que entrou com ação no STF para questionar as novas regras eleitorais que estabelecem que as emissoras são obrigadas a convidar para os debates apenas candidatos cujos partidos possuam pelo menos nove deputados na Câmara. "Isso é uma cláusula de barreira", afirmou Erundina. Ela disse que conversou pessoalmente com os ministros da Corte.

A candidata não participou do primeiro debate promovido pela TV Bandeirantes na segunda-feira, 22. Em contrapartida, ela fez um protesto na frente da emissora.

Outro candidato a prefeito de São Paulo, Levy Fidelix (PRTB) também moveu uma ação questionando a regra. Ele também está no Supremo para acompanhar a decisão dos ministros.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos