Senado aprova MP que reduz número de ministérios, a primeira editada por Temer

Brasília - Sob intensas críticas de oposicionistas e forte articulação do Palácio do Planalto, o governo aprovou nesta quinta-feira, 8, a Medida Provisória que faz uma reforma administrativa e reduz o número de ministérios (726/2016), a primeira editada por Michel Temer quando assumiu interinamente com o afastamento temporário de Dilma Rousseff no dia 12 de maio.

Os senadores ainda vão votar dois destaques da MP 726. Essa medida, ao lado da Medida Provisória 727, que cria o Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), perdem a validade nesta quinta-feira, e o governo tem se esforçado para mobilizar a base aliada a fim de votá-la ainda hoje.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos