Candidato à reeleição para prefeitura de Mirinzal (MA) é preso


São Luís (MA)

O prefeito de Mirinzal, Amaury Almeida (PDT), foi preso na manhã deste domingo (2), por crime eleitoral. A informação foi confirmada pela Secretaria de Estado da Segurança Pública. 

Líder nas pesquisas, o candidato à reeleição é acusado de ter entrado em confronto com militantes adversários. Seguranças do prefeito teriam baleado um eleitor na noite de sábado (1º). O prefeito e os seguranças foram detidos.

Outro lado

Em contato, a assessoria do prefeito disse que ele não foi preso, mas conduzido para prestar depoimento como vítima de um atentado sofrido na noite de sábado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos