Princípio de tumulto marca voto de João Leite em Belo Horizonte

Belo Horizonte (MG)

Sem a companhia do presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves (MG), o candidato tucano à prefeitura de Belo Horizonte, deputado estadual João Leite, votou no começo da tarde depois de princípio de confusão envolvendo seus correligionários na entrada do Colégio Estadual Central, na região Centro-Sul da capital.

Com broches de "Fora Temer", Alessandra Veiga, acompanhada do filho, gritou "golpista" no momento em que Leite começou entrevista com repórteres. Apoiadores do candidato responderam com "Lula, ladrão, vai direto pra prisão". João Leite classificou a manifestação como "parte da democracia".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos