Assediado no Rio, Suplicy leva seu renda mínima a Freixo

No Rio

  • José Lucena/Futura Press/Estadão Conteúdo

    Suplicy foi muito assediado durante evento de campanha de Freixo no centro

    Suplicy foi muito assediado durante evento de campanha de Freixo no centro

Vereador mais votado da história de São Paulo, com 301.446 votos nesta eleição, Eduardo Suplicy (PT) transformou-se ontem em cabo eleitoral do candidato do PSOL à prefeitura do Rio, Marcelo Freixo. Por volta das 17h, Suplicy e Freixo chegaram juntos à praça Mário Lago, área do centro do Rio conhecida como Buraco do Lume, e causaram alvoroço na região, um tradicional reduto de políticos de esquerda.

Suplicy, que aproveitou para tentar emplacar seu projeto de renda mínima em eventual gestão Freixo, foi muito assediado. "Suplicy é um fofo, nem parece petista", disse a advogada Maria do Carmo Pereira, 53, que abordou o vereador.

O petista gravou em vídeo um depoimento de dois minutos em que declarou apoio a Freixo. "Batalhei muito para que [o prefeito] Fernando Haddad [PT] fosse reeleito em São Paulo, e quase deu, mas perdemos e isso é da democracia. Então decidi vir ao Rio para participar da campanha do Freixo", disse Suplicy. Em seguida, Freixo subiu no caixote e, ao microfone, agradeceu o apoio.

Trump

Suplicy criticou o adversário de Freixo, Marcelo Crivella (PRB), por se recusar a participar dos próximos debates. "Quem gosta da democracia não pode fugir dos debates. Até o (candidato republicano à presidência dos Estados Unidos, Donald) Trump vai", afirmou o petista.

Suplicy ainda defendeu a presidente cassada Dilma Rousseff (PT) --"ela não cometeu crime nenhum"-- e aproveitou para citar Crivella, que é senador e votou a favor do impeachment.

"Fico assustado com o Crivella, que foi ministro dela (Dilma), tinha a confiança da presidenta e depois votou pela saída de Dilma", afirmou Suplicy, que hoje vai a um comício do candidato do PSOL em Madureira, na zona norte da cidade As informações são do jornal "O Estado de S. Paulo".

"PT precisa reconhecer que houve erros e voltar às origens"

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos