Estudantes fazem novo protesto contra reforma do ensino em Sorocaba (SP)

Sorocaba - Cerca de 500 estudantes de 15 escolas públicas fizeram uma passeata contra o projeto de reforma do ensino médio do governo federal, nesta segunda-feira, 17, em Sorocaba. Com cartazes, baterias e apitos, eles se concentraram na Praça Fernando Prestes, a principal da cidade, e saíram em marcha pelas ruas centrais.

A mobilização foi convocada pelas redes sociais pela União Sorocabana de Estudantes Secundaristas (Uses). Os organizadores informaram que o objetivo era chamar a atenção da sociedade para os aspectos negativos da reforma, como a extinção de disciplinas.

Em rede social, a Uses informou que, além do "golpe contra a educação", os estudantes também protestam contra a PEC 241, lei que estabelece um teto para os gastos público e que, segundo eles, corta os investimentos na educação e na saúde pelos próximos 20 anos. A Polícia Militar informou que a manifestação foi pacífica. Agentes de trânsito acompanharam a marcha, encerrada na Praça da Bandeira.

A Diretoria Regional de Ensino informou que as aulas não chegaram a ser prejudicadas. Foi a segunda manifestação, este mês, contra a proposta de reforma no ensino. Os estudantes já haviam feito uma passeata no último dia 5. Além disso, eles ocuparam duas escolas estaduais, mas foram retirados dos prédios pela Polícia Militar.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos