Vídeo de Crivella é retirado da internet

Rio, 22/10/2016 - O vídeo em que o candidato à prefeitura do Rio Marcelo Crivella (PRB) aparece em pregação de 2012 atribuindo a homossexualidade a um aborto malsucedido foi retirado do YouTube. Ontem, Crivella não quis comentar a divulgação das imagens.

Questionado por jornalistas sobre a repercussão dos vídeos, Crivella disse que "só comentaria assuntos municipais". Ele participou de encontro com instituições e lideranças ligadas a pessoas com deficiência, em um hotel no centro, com o adversário no primeiro turno e agora aliado, Carlos Osório (PSDB).

O vídeo original foi publicado em 2012, foi o apagado e voltou a ser postado em 2014. As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos