Marcelo Freixo diz que eleição ainda está indefinida no município do Rio

Rio - O candidato do Psol à Prefeitura do Rio, Marcelo Freixo, votou há pouco no clube Paissandu, no Leblon, zona sul da cidade. Ele estava acompanhado pela mulher Priscilla Soares e a filha Isadora.

Freixo foi recebido por companheiros de partido, como a candidata a vice-prefeita Luciana Boiteux, o deputado federal Chico Alencar, o deputado estadual Eliomar Coelho e a vereadora eleita Marielle Franco, aos gritos de "Vamos virar, Freixo!".

Na chegada, o candidato disse que a eleição no segundo turno do Rio está indefinida e pediu que aqueles que pretendem anular seus votos "venham para o 50" (número de sua candidatura). "Agora é fazer um apelo para que esse voto nulo, esse voto indeciso vire para o 50 e não permita que a obscuridade da política tome conta do Rio", declarou Marcelo Freixo.

Duas pesquisas divulgadas neste sábado mostram que Freixo permanece em segundo lugar nas intenções de voto, mas diminuiu substancialmente a diferença do líder Marcelo Crivella, do PRB.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos