PSB deve indenização por acidente que matou Campos

São Paulo - O juiz Samuel Batista de Sá, da 45ª Vara do Trabalho de São Paulo, determinou que o PSB e os donos do jato que caiu em 2014 com o então candidato do partido à Presidência, Eduardo Campos, paguem indenização de R$ 560 mil por danos morais à viúva e aos dois filhos do ex-piloto do avião Marcos Martins. Campos, Martins e mais cinco morreram no acidente.

Além da indenização, o juiz ordenou o pagamento mensal de R$ 18,6 mil à família pelo período até que ele completasse 74 anos. O juiz afirmou não haver dúvidas de que Martins manteve vínculo empregatício com a sigla. Os donos do avião não foram localizados. O PSB disse que "ingressará com um recurso no devido prazo". As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos