Doria diz que terá 1 reunião por mês com todos os vereadores de SP

São Paulo - O prefeito eleito de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou nesta quinta-feira, 17, que quer se aproximar dos vereadores da capital paulista e ainda de todas as instâncias do Poder Judiciário. Em coletiva de imprensa para anunciar o nome de mais quatro titulares em secretarias do governo, Doria disse que pretende se reunir uma vez por mês com todos os vereadores na sala da Presidência da Câmara.

Também comentou que pretende se reunir com a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, assim como fez com outros representantes do Judiciário, como o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Gilmar Mendes.

No dia 3 de dezembro, Doria disse que vai se reunir com os secretários e prefeitos regionais anunciados para uma reunião de gestão. No dia 22 do mesmo mês, haverá a segunda reunião do grupo de trabalho contra as enchentes de verão. "Temos trabalhado para minimizar o efeito das chuvas de verão", disse. Na quarta-feira, a equipe se reuniu com a Secretaria de Saneamento e Recursos Hídricos do Estado para debater o tema.

Na tarde desta quinta, o prefeito eleito almoça com o presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, para apresentar seus projetos de privatização e atrair a atenção empresarial para os investimentos. Doria e Skaf vão falar com a imprensa após o encontro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos