Polícia apura suposto envolvimento de agentes em esquema do PCC

Sorocaba - O suposto envolvimento de policiais civis no esquema de corrupção desvendado pela Operação Ethos, que prendeu mais de 30 advogados nesta terça-feira, 22, também será investigado, segundo a Polícia Civil.

De acordo com o Departamento de Polícia Judiciária do Interior (Deinter 8), com sede em Presidente Prudente e responsável pelo início das investigações, juntamente com o Ministério Público, o material coletado durante o cumprimento dos mandados de busca e apreensão pode determinar se houve a participação de policiais.

"Todo material apreendido será analisado e periciado, possibilitando, assim, determinar eventual cooptação de agentes públicos", informou em nota.

O Deinter descartou, no entanto, informações de que a investigação atingiria um desembargador, suspeito de dar decisões favoráveis a integrantes do PCC. "Quanto à existência específica de autoridade do Judiciário, não há nenhuma evidência na investigação que aponte positivamente", diz a nota.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos