Nove pessoas são presas no Rio nas manifestações contra o pacote de austeridade

Rio de Janeiro - Pelo menos nove manifestantes foram detidos nesta terça-feira, 6, durante a manifestação contra a votação das medidas do pacote de ajuste fiscal do governo do Estado do Rio de Janeiro. Eles foram levados para a 9ª Delegacia de Polícia (Catete). "Vou até lá acompanhar porque há risco de arbitrariedade", afirmou o deputado Flávio Serafini, integrante da Comissão de Direitos Humanos da Alerj. Entre os detidos há dois adolescentes.

Pelo menos um dos manifestantes, o estudante de direito Rafael Lage, de 28 anos, teria sido preso por engano. Também foram detidos o agente penitenciário Everaldo Francisco, o sargento reformado Carlos Antônio Aquino, o policial civil aposentado Wagner Gomes, de 67 anos, o bombeiro Marcelo Silva, o policial militar aposentado Darci Simão Braga, de 74 anos, e o subchefe de cozinha Wallace Tavares, de 21 anos. As informações são da Comissão de Direitos Humanos da Alerj.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos