Manifestantes encerram protesto e montam acampamento em frente à Alerj

Rio, 12 - Depois de seis horas, o protesto dos servidores contra o pacote de medidas anticrise do governo do Estado do Rio começa a ser encerrado. Os manifestantes estão deliberando sobre o acampamento montado em frente ao prédio da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) para pressionar os deputados com relação à votação das medidas. Há seis barracas já montadas, cada uma com espaço para três pessoas, e a intenção dos servidores é de se manter no local pelos menos até quarta-feira, quando serão votados os projetos que mais os penalizam: o que aumenta a contribuição previdenciária do funcionalismo e o que congela salários até 2020. O protesto foi pacífico e não houve qualquer incidente com a polícia, que havia montado um forte esquema na Alerj e nas imediações.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos