Em sessão solene, Congresso promulga emenda do teto de gastos

Brasília - O presidente do Congresso, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), promulgou na manhã desta quinta-feira, 15, a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que estabelece um limite para o crescimento dos gastos públicos, a emenda constitucional do teto. Com a promulgação, a nova regra entra automaticamente em vigor. Também estava presente na sessão, ao lado de Renan, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Antes da sessão, Renan afirmou que a emenda do teto é "uma grande vitória para o País". "A partir de agora temos uma regra para o crescimento do gasto público. Nós não tínhamos isso, e sim uma queda continuada da receita sem nenhuma regra para a evolução do gasto público. Isso é muito bom para o Brasil", disse.

Renan ressaltou que apenas o teto não vai "tirar o País da crise" e que ajustes ainda precisam ser feitos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos