Bando explode banco, invade festa e usa reféns como escudo no interior de SP

Sorocaba - Um bando armado explodiu o cofre de uma agência do Banco do Brasil, na madrugada desta quinta-feira, 22, em Palestina, interior de São Paulo. Com a chegada da Polícia Militar, os criminosos invadiram uma festa de casamento, fizeram reféns e usaram as pessoas como escudo durante a troca de tiros com os policiais. Um dos bandidos foi atingido por um disparo, mas conseguiu fugir. Até as 10 horas, nenhum suspeito tinha sido preso. O valor roubado não foi informado.

O ataque deixou em pânico os moradores da cidade de 11 mil habitantes, na região de São José do Rio Preto. De acordo com testemunhas, de oito a dez bandidos invadiram o centro em pelo menos dois carros.

Enquanto um grupo arrombava a agência e instalava explosivos, outro invadiu a festa que era realizada num restaurante ao lado do prédio e obrigou os convidados a seguir com eles à frente do banco. Após a explosão, os policiais chegaram e se depararam com os reféns.

Na fuga, os criminosos soltaram os reféns e houve intensa troca de tiros. Segundo a Polícia Civil, nenhuma das pessoas da cidade ficou ferida.

Outro caso

Na quarta-feira, 21, criminosos atacaram simultaneamente duas agências do Banco do Brasil em Socorro, na região de Campinas. As explosões destruíram vitrines de lojas e paredes de prédios vizinhos. A quadrilha, armada com fuzis, fez disparos contra uma base da Polícia Militar, mas ninguém ficou ferido.

Os bandidos usavam armas longas com mira laser e atiraram também contra fachadas de prédios e lojas. Em razão dos estragos, as duas agências permanecem fechadas e clientes são obrigados a viajar para Serra Negra e Pinhalzinho, cidades vizinhas.

Em Ribeirão Preto, também na quarta, três suspeitos morreram e outro ficou ferido durante tentativa de assalto a um banco com explosivos, na zona sul. Os criminosos estouraram a porta da agência e explodiram o caixa, quando foram cercados pela PM e reagiram.

Um assaltante foi morto na porta da agência, outro dentro de um carro que também tinha explosivos. O terceiro homem foi morto quando tentava fugir por um terreno baldio. Um quarto suspeito foi baleado na perna e, depois de receber atendimento, ficou preso. O dinheiro da agência não foi levado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos