Condolências por morte de Soares reforçam elo entre Brasil e Portugal, diz Temer

São Paulo - O presidente Michel Temer (PMDB) fez uma breve declaração após se encontrar com o presidente de Portugal, Marcelo Rabelo de Sousa, em Lisboa, onde vai participar do funeral do ex-presidente português Mário Soares.

Temer falou que se encontrou com o presidente para reforçar a ligação entre os dois países, consolidada, segundo ele, por Soares. "Ao trazer as condolências, esse nosso gesto visa reforçar a ligação entre Brasil e Portugal enaltecida ao longo do tempo pela figura exponencial, mais do que portuguesa, mas internacional do grande português Mário Soares", disse o presidente brasileiro.

Temer destacou que Mário Soares fez "as mais grandes amizades" no Brasil, destacando a relação com o ex-presidente José Sarney, que integra a comitiva brasileira em Portugal. O presidente brasileiro também transmitiu as condolências do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

Na entrada do Palácio de Belém, sede do governo português, um grupo de brasileiros que vive em Portugal protestava contra Temer, informou a TV estatal local RTP, que não deu detalhes sobre o número de manifestantes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos