Maia falou claramente que é candidato à reeleição, diz Esperidião Amin

Brasília, 12 - O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), falou "claramente" que é candidato à reeleição, afirmou nesta quinta-feira, 12, o deputado Esperidião Amin (PP-SC), que participou hoje de café da manhã do parlamentar fluminense com a bancada catarinense e o governador do Estado, Raimundo Colombo (PSD), em Florianópolis.

"Ele falou claramente que é candidato, disse que a questão jurídica já está superada e pediu voto. E houve quem declarasse voto", afirmou Amin à reportagem. Segundo o deputado, Maia distribuiu pareceres jurídicos que defendem a legalidade da reeleição, entre eles, do ex-ministro do Supremo Tribunal Federal Francisco Rezek e do professor de Direito da USP Heleno Torres.

Os pareceres foram encomendados por Maia para contrapor questionamentos de seus adversários, que entraram com ações no Supremo alegando que a Constituição proíbe reeleição de presidentes do legislativo no mesmo mandato. O deputado do DEM, por sua vez, argumenta que o veto não se aplica a presidentes de mandato tampão, como ele.

Em entrevistas à imprensa, Rodrigo Maia vem evitando anunciar oficialmente que é candidato. Sempre que perguntado, fala que ainda está articulando sua candidatura e que só pretende anunciá-la quando ela estiver "madura", ou seja, quando tiver certeza de que tem maioria dos votos para vencer. Para se reeleger, o parlamentar fluminense precisa de votos de 257 deputados.

Sugestões

Segundo Amin, participaram do café da manhã 9 dos 16 deputados integrantes da bancada do Estado. Um deles, segundo o parlamentar do PP, sugeriu que a Câmara realizasse sessões plenárias apenas durante três semanas inteiras do mês e que a quarta semana fosse liberada para que os deputados "trabalhem nas bases". Amin não revelou o nome do autor da sugestão.

Atualmente, a Câmara dos Deputados realiza normalmente sessões de votação no plenário durante todo o mês, sem semana de "folga". As sessões são realizadas nas terças-feiras, quartas-feiras e quintas-feiras. Geralmente, os deputados federais chegam à capital federal na terça-feira pela manhã e voltam para seus Estados na quinta-feira à tarde ou à noite.

Além do governador e dos parlamentares federais de Santa Catarina, Maia estava acompanhado dos deputados Heráclito Fortes (PSB-PI) e Beto Mansur (PRB-SP). A ida de Mansur mostra que o PRB, que integra o chamado Centrão - grupo de 200 deputados da base que tem dois candidatos a presidência da Casa -, também apoia a reeleição de Maia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos