Operação Lava Jato

Procuradores da força-tarefa da Lava Jato lamentam morte de Teori

Em Brasília

  • Paulo Lisboa/Folhapress

    Procuradores Orlando Martello, Carlos Fernando e Deltan Dallagnol da força-tarefa Lava Jato

    Procuradores Orlando Martello, Carlos Fernando e Deltan Dallagnol da força-tarefa Lava Jato

Os procuradores que integram a força-tarefa da Lava Jato lamentaram a morte do ministro Teori Zavascki, relator da operação no Supremo Tribunal Federal (STF). "O ministro teve uma trajetória profissional marcada pela lisura e pela seriedade. Sua atuação firme na relatoria da operação honrou o Supremo e foi um louvável serviço prestado ao País", afirmaram os procuradores, em nota.

Símbolo da Lava Jato, o juiz federal Sergio Moro também se manifestou, por meio de nota, sobre a morte de Teori. "O ministro Teori Zavascki foi um grande magistrado e um herói brasileiro. Exemplo para todos os juízes, promotores e advogados deste País. Sem ele, não teria havido Operação Lava Jato", escreveu Moro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos