Agora o candidato é Lula, diz Dilma a rádio espanhola, negando volta a eleições

De São Paulo

  • Nelson Almeida/AFP

Em viagem para Sevilla, na Espanha, a ex-presidente da República Dilma Rousseff (PT) falou pela primeira vez que não disputará mais uma candidatura à Presidência da República e diz que agora o candidato é Luiz Inácio Lula da Silva. "As pessoas têm hora e vez, tudo tem hora e vez, a já foi a minha", afirmou. "Não serei eu, será Lula da Silva o candidato", disse Dilma em entrevista á Rádio Sevilla, da rede Ser.

Dilma falou que apesar de não ser mais candidata, continuará fazendo política. Na entrevista, ela reforçou as críticas ao presidente da República Michel Temer (PMDB), falando que o processo de impeachment no Brasil foi "traumático" e ainda criticou o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, dizendo que o surgimento de "salvadores da pátria" põe em risco a democracia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos