EUA: Secretário do exército renuncia antes de posse

Washington - Nos Estados Unidos, o recém-nomeado secretário do Exército, Vincent Viola, renunciou ao cargo, tornando-se o primeiro designado do alto escalão do governo de Donald Trump a abandonar o cargo antes de tomar posse.

Viola é empresário, fundador de uma financeira em Wall Street, a Virtu Financial, e dono da equipe de hóquei Florida Panthers. Em comunicado, ele disse que renunciava, pois "os desafios que o separavam de seus negócios do departamento de defesa tinham se provado insuperáveis".

"Estou profundamente honrado por ter sido considerado para esse posto e aprecio a confiança do presidente Trump", disse Vincent Viola. "Eu ofereço meu suporte para o presidente Trump e sua administração, e vou redobrar meus esforços para apoiar o exército e seus veteranos como um cidadão", complementou.

Um funcionário do governo confirmou a renúncia de Viola, mas não fez comentários.

As nomeações de Trump de executivos têm gerado complicações para empresas e seus advogados. A Exxon Mobil, por exemplo, teve que desembolsar US$ 180 milhões para a aposentadoria de seu executivo-chefe, Rex Tillerson, que assumirá como Secretário de Estado de Trump. Fonte: Dow Jones Newswires.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos