Vitória suspende aulas e atendimento em postos de saúde após protestos

São Paulo - A prefeitura de Vitória suspendeu nesta segunda-feira, 6, o funcionamento das escolas municipais no período da manhã e de todas as unidades de saúde por causa do protesto de familiares e amigos de policiais militares, que realizam manifestações em ao menos 30 cidades do Espírito Santo desde a última sexta-feira, dia 3.

Os manifestantes reivindicam reajuste salarial e chegaram a impedir a saída das viaturas para a rua.

Em nota publicada na noite deste domingo, 5, a prefeitura informou que as aulas do período matutino seriam suspensas "zelando pela segurança de seus alunos e profissionais de Educação". A nota afirma, ainda, que as condições de segurança serão avaliadas para verificar se haverá aulas no período da tarde.

Outra nota diz que o atendimento em todos os postos de saúde também estão suspensos e que não haverá vacinação contra a febre amarela até o fim da manifestação. "Já o atendimento nos pronto-atendimentos da Praia do Suá e São Pedro continua normal neste início de semana", finaliza a nota da prefeitura.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos