Mulheres são presas ao tentar assaltar taxista em Vitória

Vitória - Duas mulheres foram presas após tentarem assaltar um taxista na tarde desta terça-feira, 7, na região central de Vitória. O policiamento é precário na capital capixaba desde o sábado, 5, início da paralisação da Polícia Militar.

As duas se passaram por passageiras, embarcaram no banco traseiro do veículo, colocaram uma faca no pescoço do motorista e anunciaram o assalto. Dois policiais militares à paisana, que afirmaram estar de folga, viram a cena e renderam as assaltantes.

Os policiais não quiseram se identificar alegando não estarem autorizados a falar e "em respeito ao movimento" que tirou o policiamento das ruas do Estado. Um deles desabafou: "Para vocês verem como são as coisas: a gente está há quase quatro anos sem aumento e, mesmo de folga, agimos. Isso tudo porque não gostamos de ver uma injustiça com o ser humano", afirmou.

As mulheres carregavam uma mochila com roupas, duas sombrinhas e uma garrafa contendo líquido não identificado. "Deve ser loló", suspeitou um dos PMs, referindo-se ao entorpecente de porte e uso proibido. Os policiais chamaram agentes da Guarda Municipal para encaminhar as duas mulheres à delegacia.

No centro de Vitória, onde ocorreu a tentativa de assalto, a maior parte do comércio está de portas fechadas e o trânsito de pessoas e veículos é diminuto.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos