Jornalistas brasileiros detidos na Venezuela já estão a caminho do Brasil

Brasília - O Itamaraty informou neste domingo, 12, que os jornalistas da TV Record Leandro Stoliar e Gilson Souza, que foram presos na Venezuela ao fazer reportagem sobre corrupção envolvendo a Odebrecht e autoridades locais, acabam de decolar de Caracas, em voo comercial com destino a Lima, no Peru, de onde partirão para São Paulo.

"Desde que foi informado da detenção dos repórteres, o governo brasileiro, por instrução do próprio presidente Michel Temer, atuou junto às autoridades venezuelanas no sentido de que fossem prontamente libertados", diz nota do Itamaraty.

O órgão explicou ter optado "pela realização de contatos diretos, sem divulgação passo a passo, de modo a evitar que sua repercussão prematura pudesse complicar o processo".

"Ao afirmar seu compromisso com os direitos humanos, o governo brasileiro reitera sua posição em defesa da liberdade de imprensa, cuja contribuição é indispensável ao pleno exercício da democracia", acrescentou o Itamaraty.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos