Bebê morre após beber detergente dado por engano pela avó

Sorocaba - Um bebê de dez meses morreu intoxicado após tomar um detergente de cor roxa usado para limpar alumínio, no domingo, 19, em Jaú, interior de São Paulo. A avó da criança confundiu o produto de limpeza com suco de uva e o colocou na mamadeira. Os dois recipientes - do suco de uva e do produto de limpeza - estavam na pia da cozinha, um próximo do outro. Assim que tomou a mamadeira, o bebê começou a passar mal. Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) levou a criança à Santa Casa da cidade, mas ela não resistiu.

A família do bebê - os pais e outro filho de 4 anos - tinha se mudado provisoriamente para a casa dos avós da criança depois de encontrar escorpiões em sua residência, na mesma cidade. Os pais temiam justamente que os bichos atacassem o bebê. O casal tinha saído e os avós cuidavam da criança, quando o homem notou que a menina parecia estar com fome e pediu que a mulher desse algo para ela. A mulher pensou no suco de uva, mas confundiu-se com as embalagens.

A Polícia Civil investiga o caso como homicídio culposo, sem intenção de matar. Os recipientes do suco de uva e do produto de limpeza foram apreendidos para a perícia. Segundo a polícia, o produto usado para remover manchas e sujeira do alumínio, estava fora da embalagem original e sem o rótulo, o que pode ter contribuído para a confusão. O limpa-alumínio contém ácidos sulfônico, muriático e hidroxiacético, que são corrosivos. Quando ingeridos, causam queimaduras graves no sistema digestório.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos