Ministro Eliseu Padilha terá alta na quinta-feira

Por Vera Rosa

Em Brasília

  • Pedro Ladeira/Folhapress

    Ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha

    Ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha

O ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, terá alta médica nesta quinta-feira (9). Boletim divulgado na noite desta terça-feira (7) pelo Hospital Moinhos de Vento, de Porto Alegre, diz que Padilha apresenta "excelente recuperação de seu quadro de saúde".

O ministro foi submetido a uma cirurgia para retirada da próstata no dia 27 de fevereiro. Padilha está em licença informal do trabalho há doze dias, período que coincidiu com o agravamento da crise política.

Dias antes da internação, o advogado José Yunes disse que, em setembro de 2014, recebeu um "pacote" em seu escritório, a pedido de Padilha, das mãos do operador financeiro Lúcio Funaro. O lobista é ligado ao ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Tanto Funaro quanto Cunha estão presos no âmbito da Lava Jato.

Além disso, delações premiadas de ex-executivos da Odebrecht - incluindo a do ex-presidente da empreiteira Marcelo Odebrecht - também ligaram Padilha a um esquema de recebimento de recursos para campanhas do PMDB.

Articulador político e fiador da reforma da Previdência - hoje em tramitação na Câmara dos Deputados -, o ministro deve retornar ao trabalho na segunda-feira (13). Nos bastidores, porém, aliados dizem que ele pode não ter condições de permanecer no cargo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos