Indicada para presidir o PT, Gleisi diz que é preciso "Lula de volta"

Daniel Weterman

São Paulo

  • Moreira Mariz/Agência Senado

Indicada pela corrente majoritária do PT para concorrer como candidata a presidente da legenda em junho, a líder do partido no Senado, Gleisi Hoffmann (PT-PR), afirmou em nota que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva precisa voltar a governar o País.

No domingo, o PT realizou o Processo de Eleições Diretas (PED) nos diretórios municipais para eleger as direções municipais da legenda e escolheu os delegados estaduais, que vão escolher a próxima diretoria nacional do partido em junho, durante o Congresso Nacional do partido.

Gleisi foi indicada para presidir o PT pela Construindo um Novo Brasil (CNB), corrente majoritária dentro do partido e da qual Lula faz parte. Ela vai disputar o cargo com o senador Lindbergh Farias (PT-RJ), candidato da ala Muda PT, que reúne as principais correntes de esquerda do partido.

Em nota publicada nesta segunda-feira no site do PT, Gleisi critica o governo do presidente Michel Temer (PMDB) e fala que o PT tem condições de fazer o Brasil voltar a crescer. "Nós já governamos esse país. Nós sabemos o que ele precisa para sair dessa crise econômica, resgatar o crescimento e ter um desenvolvimento justo, inclusivo", diz a nota.

Lula, afirma a senadora, "alavancou o desenvolvimento" no Brasil enquanto governou e movimentou a economia, o que, segundo ela, precisa ser feito agora. "Por isso é preciso Lula de volta! Pra fazer o que já foi feito e muito mais. Resgatar o sentimento de Nação, de esperança e orgulho do povo brasileiro", diz.

Em março, o atual presidente nacional do PT, Rui Falcão, afirmou em entrevista coletiva que o momento para lançar a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao Planalto não é agora. Para Falcão, o motivo de evitar um lançamento neste momento é abrir o diálogo com outros partidos e evitar acusações que Lula estaria antecipando uma campanha eleitoral.

Nesta terça-feira, 11, às 20h30, o PT exibirá seu programa em rede nacional de TV e rádio e Lula deve falar, conforme a divulgação que o partido tem feito nas redes sociais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos