Temer quer acelerar acordo de livre comércio entre o Mercosul e o Líbano

Eduardo Laguna e Daniel Weterman

São Paulo, 10 (AE)

O presidente Michel Temer (PMDB) prometeu empenho nas negociações por um acordo de livre comércio entre o Mercosul e o Líbano. Em discurso proferido na noite desta segunda-feira (10) em jantar no clube Monte Líbano, onde recebeu homenagens de instituições líbano-brasileiras, Temer disse que vai se esforçar "muitíssimo" nas negociações entre as partes. "Ficou paralisado durante um tempo, mas quero agora incrementar [a negociação]", afirmou o presidente.

Descendente de libaneses, o peemedebista fez um discurso em que ressaltou os laços de um século entre o Brasil e o Líbano, lembrou da origem de sua família e disse que as interações comerciais e políticas dos dois países estão avançando permanentemente.

"Se me permitem, quero lhes falar do sentido que vejo nessa celebração. O que celebramos não é apenas um descendente de libanês na Presidência, celebramos uma obra coletiva, que é também da comunidade libanesa. Uma obra coletiva chamada Brasil. Somos milhões de descendentes em nosso país", afirmou o presidente.

Temer assinalou que o Brasil é fruto do empreendedorismo de imigrantes que vieram dos "quatro cantos do mundo" para construir "uma nova vida, um novo País". "Mais do que ajudou, a comunidade libanesa foi protagonista dessa obra plural, que somos nós. Pelo esforço de milhões de libaneses, o Brasil se fez brasileiro", afirmou o presidente.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos