País terá ação especial para menores infratores

O Judiciário e a sociedade civil criarão neste ano a primeira Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (Apac) voltada para menores infratores, disse ontem em Washington a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia Antunes Rocha. No trabalho com adultos, essas instituições chegaram a reduzir o índice de reincidência dos ex-detentos a menos de 3%, ressaltou a ministra. As Apacs são entidades privadas que atuam como auxiliares dos Poderes Judiciário e Executivo. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos