Turquia: Com 99% das urnas apuradas, "Sim" vence referendo com 51,35% dos votos

São Paulo

A agência de notícias oficial da Turquia, Anadolu, noticia a vitória do "sim" no referendo promovido no país sobre a expansão de poderes presidenciais. De acordo com a agência, após 99,27% das urnas apuradas dentro do país, o "sim" recebeu 51,35% contra 48,65% do "não".

Os turcos foram às urnas neste domingo para um referendo histórico sobre a aprovação de reformas constitucionais que expandem significativamente os poderes do presidente Recep Tayyip Erdogan.

Confirmada a vitória, as 18 mudanças constitucionais vão substituir o sistema parlamentarista turco de governo por um presidencialista, abolindo o papel de primeiro-ministro.

O primeiro-ministro e o próprio presidente Erdogan anunciaram a vitória antes mesmo da divulgação dos resultados oficiais. Dirigindo-se a milhares de adeptos de bandeira que acenam na noite de domingo, o primeiro-ministro Binali Yildirim disse que o resultado final "não oficial" é "sim" para o referendo constitucional.

O principal partido de oposição da Turquia diz que vai contestar 37% das urnas contadas no referendo. O vice-presidente do Partido Popular da República, ou CHP, Erdal Aksunger, previu que o número poderia até aumentar para 60%. "Desde esta manhã, detectamos cerca de 2,5 milhões de votos problemáticos".

O partido de oposição pró-curdo do país, que também se opôs às mudanças constitucionais, disse que planeja se opor a dois terços das cédulas. O Partido Popular Democrático se pronunciou por meio de redes sociais. "Nossos dados indicam uma manipulação na faixa de 3% a 4%."

A vitória do governo no referendo representa um fortalecimento das políticas do presidente, embora seja preciso algum tempo até que todo o impacto da mudança constitucional seja sentido. Algumas medidas não teriam efeito até as eleições de 2019. (Dayanne Sousa - dayanne.sousa@estadao.com e Renato Carvalho - renato.carvalho@estadao.com, com agências internacionais)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos