Chuva deixa São Paulo em estado de atenção para alagamento

Ludimila Honorato

São Paulo

  • NELSON ANTOINE/ESTADÃO CONTEÚDO

Toda a capital paulista entrou em estado de atenção para alagamentos na noite desta sexta-feira (5). Entre 19h10 e 19h21, as regiões do centro, norte, sul, leste, oeste e sudeste, além das marginais Tietê e Pinheiros, receberam o alerta, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE).

De acordo com previsão do órgão, áreas de instabilidade que atuavam em Barueri, Santana do Parnaíba e Jandira, junto com a baixa pressão atmosférica, se deslocaram para a cidade de São Paulo, o que já provoca fortes chuvas na capital. Às 19h36 já se registrava queda de granizo no Butantã e na Vila Mariana às 19h45. O CGE informa que as chuvas tem potencial de provocar alagamentos.

No Aeroporto de Congonhas, na zona sul, e no Campo de Marte, zona norte, os ventos chegavam a 57 km/h por volta das 19h40.

Transporte

Devido às chuvas, os trens da Linha 5-Lilás estão circulando com velocidade reduzida entre as estações Capão Redondo e Adolfo Pinheiro.

Trânsito

Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), a cidade de São Paulo conta com 97 km de congestionamento, no limite da média para o horário que é de 60 a 98 km.

Na Marginal do Tietê, sentido Ayrton Senna, o congestionamento é de 14,7Km na pista local e de 10,3Km na expressa. Já na Marginal do Pinheiros, sentido Castelo Branco, o congestionamento é menor: 6,6Km na expressa e 4,4 km na local.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos