Dirigentes de partidos discutem acordo sobre reforma política

Daiene Cardoso

Brasília

O ministro da Secretaria de Governo, Antonio Imbassahy (PSDB), deixou na tarde desta quinta-feira, 11, a residência oficial da Câmara do Deputados onde ocorre um almoço com dirigentes partidários e o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Gilmar Mendes.

Segundo o ministro, o objetivo do encontro é fechar um texto sobre a reforma política onde haja acordo entre os partidos. "A ideia é buscar convergência máxima", afirmou Imbassahy.

O ministro desconversou sobre o interesse do governo na votação da reforma político e disse que o foco do Palácio do Planalto neste momento é outro. "Nossa preocupação é mais com a Previdência", disse.

Participam do encontro os presidentes de partidos Aécio Neves (PSBD), Romero Jucá (PMDB), Rui Falcão (PT), Agripino Maia (DEM), Gilberto Kassab (PSD), o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), e o vice-presidente do Senado, Cassio Cunha Lima (PSDB-PB).

Representando a comissão especial de reforma política na Câmara estão os deputados Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA) e o relator da proposta de reforma, o petista Vicente Candido (SP).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos